soaptec
barra

 

Notícias

Nesta pagina encontram-se as ultimas notícias de Soaptec

 
HEXA
(Jun. 2011)
 
Linea de acabamento de capacidade 2000 kg/h
(May. 2011)
 
Nova sede Soaptec
(Mar. 2011)
 

Linha de acabamento nos detalhes

(Jul. 2010)
 
¡Finalmente, Falamos!
(Jun. 2010)
 
Novo filme linha de Saponificação continua “Semi Boiled”
(Apr. 2010)
 
Finalmente Soaptec em italiano
(Mar.2010)
 
Agora Soaptec é também em francês
(Mar.2010)
 
Novo filmado de saponificação disponível (Mar.2010)
 
Soaptec fala em espanhol (Feb.2010)
 
"A Tecnologia de Fabricação de sabão" AOCS bestseller 2009(Jan. 2010)
 

Linha de acabamento Artisan versão bàsica a sobre EURO 200.000,oo

(Jan. 2010)
 
Os principais projetos de Soaptec no mundo
(Jan. 2010)
 
 

 

 

Linha de acabamento de capacidade 2.000 kg/h

Apresentamos uma linha completa de acabamento de sabonete. É a segunda linha Soaptec Srl nesta fábrica em Lagos (Nigéria), que produz, como a primeira, 2.000 kg / h. Em breve, Soaptec iniciará o start-up de uma terceira linha no mesmo local que terá uma capacidade de 2.500kg/h.

 

31 Mayo 2011

A primeira máquina da linha é um Misturador (mixer) utilizado para otimizar a soma dos aditivos na base do sabão. Neste caso, os aditivos são corantes e aromas diferentes. O misturador tem uma capacidade de 400 kg e mistura por aprox. 16 minutos (um ciclo de trabalho, contando com carga e descarga de sabão, demora 20 minutos). Depois de concluir a mistura, as portas inferiores do equipamento são abertas eo conteúdo caie no funil do alimentador de rosca ( Worm Feeder).
O alimentador de rosca é composto de duas roscas que misturam ainda mais o sabão e melhoraram o seu nível de refinação até um ponto viável para o laminador (Three Roll Mill), que consegue melhorar o produto e torná-lo mais uniforme e homogêneo através da remoção de partículas duras (sabão velho ou mal misturado) conseguindo aumentar a sua solubilidade, a espuma e firmeza.

Uma esteira transportadora conduz o sabão na forma de flocos desde a saida do laminador até o funil da Extrusora Duplex Sob Vacuo; Neste caso, a extrusora duplex, devido à capacidade da linha (atualmente as linhas com maior capacidade produzem no máximo 2.500 kg / h) tem roscas duplas, ou seja, a maquina trabalha com duas roscas em cada estagio (quatro no total).

Esta máquina irá melhorar ainda mais a qualidade do sabão, irá melhorar ainda mais a sua homogeneidade, irá eliminar todo o ar aprisionado que o sabão pode conter e estruderà o sabão através da cabeça conica dando-lhe a forma de uma barra contínua e suave. Esta será a última máquina que poderá manipular ainda a qualidade do sabão.

A barra de sabão vai diretamente para a Cortadeira, uma EMC-1, a cortadeira mais rápida (até 350 peças / min) e performante no mercado. A EMC-1 corta a barra no comprimento desejado. A pedido do cliente foi instalado um detector de metal entre a cortadeira e a estampadora que exclue o pedaço de sabão "poluído" fora da linha. A EMC-1 também permite o reciclo do sabão.

Esta opção é muito útil para verificar o sabonete com problemas que iria chegar até a estampadora, ou se o volume de sabão extrusado é superior a quantidade exigida pela estampadora. Em ambos os casos, a cortadeira cortará a barra em pedaços de pequeno porte que não irã chegar na esteria pulmão (regulating conveyor), que está entre a cortadeira e a estampadora, então eles vão cair na esteira de reciclo que irá transportá-los para a segunda esteira e daí, mais uma vez, até o funil da Duplex permitindo assim à linha de reconquistar o seu ritmo ótimal.

No filme, dedicamos mais tempo para a Estampadora MFS-6. Suas características são explicadas neste link, neste filme vemos outra característica especial: a descarga dupla. Ao invés de descarregar os sabonetes em uma esteira, a MFS-6 com dupla saída faz isso em duas esteiras diferentes. Isso é muito interessante se, como no filme, a linha requer duas máquinas de embalagem diferentes. Com duas esteiras de descarga diferentes, se uma da embaladora quebra, a outra pode continuar a trabalhar e você perde apenas metade do tempo. Os sabonetes impressos, que não seguem para a embaladora cairiam sobre esteira de reciclo e daí até o funil da Duplex.

Da uma olhada neste fantástico video e fala e que Você acha!!